Informação Vistos


ONDE? O centro de Vistos para a Rússia fica na Rua dos Anjos nº67A, Lisboa.


QUANDO? O visto para a Rússia deve ser tratado de preferência até 2 semanas antes do inicio da viagem.


QUANTO? O preço do visto varia conforme a urgência do visto, dos 65€ (4 a 10 dias úteis) aos 100€ (1 a 3 dias úteis).

O que é necessário?

Passaporte

O passaporte deve ser válido até pelo menos seis meses após a viagem, e ter pelo menos duas páginas em branco.

Seguro de Viagem

Apólice de seguro de viagem válida em todo o território da Federação Russa e com cobertura de todo período de validade de visto. Deve cobrir despesas médicas no valor mínimo de 30.000€ (podem pedir um orçamento de seguro de viagem aqui)

Formulário Online

Formulário de pedido de visto, preenchido no site: visa.kdmid.ru, impresso e assinado pelo próprio requerente. No local de “entrega dos documentos, colocar “Centro de Vistos – Center VHS Lisbon”.

Fotografia tipo passe

Uma fotografia a cores 3,5 x 4,5 cm com o fundo claro, com contornos nítidos da face, sem óculos escuros e chapéus (com exceção dos cidadãos que por causa de sua nacionalidade ou religião são apresentados com cobertura para cabeça na fotografia do passaporte);

Carta Convite ou Confirmação de Reserva

Todos os operadores turisticos facilitarão esta formalidade. No caso de viajantes independentes, podem pedir a vossa carta convite neste link, e recebem a vossa carta convite por email em 24h.

+ informações no site oficial: www.vhs-portugal.com

Dicas úteis

Moscovo

Novosibirsk

Irkutsk

Transiberiano

TRANSPORTES:
Os transportes na Rússia são, regra geral, baratos. Cada viagem de metro / autocarro em Moscovo custa 50₽ (independentemente do destino ou duração da viagem), e comprados em packs fica mais barato. Eu comprei um pacote de 20 viagens por 650₽.
Para viagens de transporte privado, Uber e Gett são as melhores e mais baratas opções. Eu andei quase sempre de Uber. Para referência, o Uber que apanhei às 23h de Domingo, de 21kms, custou 479₽ (cerca de 7€).

COMUNICAÇÕES:
Há wifi gratuito e de velocidades rápidas em praticamente todos os lugares públicos, contudo, as redes são protegidas e é necessário fazer um “registo” simples, enviando um SMS com a palavra OK. Apenas um registo é necessário, ou seja, uma vez que nos registemos na rede wifi do metro, sempre que entrarmos no metro e nos ligarmos à rede, não é necessário um segundo registo (com o mesmo aparelho e o mesmo número).
Para estadias mais longas, é conveniente ter um número Russo. Eu comprei um cartão SIM da rede Tele2 logo à chegada do aeroporto, por 900₽, com um pacote de dados válido por um mês de 2Gbs e 200 minutos / SMS’s para a Rússia. Com este número também me foi mais fácil registar nas redes wifi públicas.

TRANSPORTES:
Os transportes na Rússia são, regra geral, baratos. Cada viagem de metro / autocarro em Novosibirsk custa 20₽ (independentemente do destino ou duração da viagem).
Para viagens de transporte privado, Uber e Gett são as melhores e mais baratas opções. Eu andei quase sempre de Uber. Para referência, o Uber que apanhei às 14h de quarta-feira, de 4kms, custou 84₽ (cerca de 1,50€).

COMUNICAÇÕES:
Há wifi gratuito e de velocidades rápidas em praticamente todos os lugares públicos, contudo, as redes são protegidas e é necessário fazer um “registo” simples, enviando um SMS com a palavra OK. Apenas um registo é necessário, ou seja, uma vez que nos registemos na rede wifi do metro, sempre que entrarmos no metro e nos ligarmos à rede, não é necessário um segundo registo (com o mesmo aparelho e o mesmo número).
Para estadias mais longas, é conveniente ter um número Russo. Eu comprei um cartão SIM da rede Tele2 logo à chegada do aeroporto de Moscovo, por 900₽, com um pacote de dados válido por um mês de 2Gbs e 200 minutos / SMS’s para a Rússia. Com este número também me foi mais fácil registar nas redes wifi públicas. Atenção que para números registados em Moscovo, o pacote de dados funciona em toda a Rússia, mas as chamadas aqui já contam como roaming.

TRANSPORTES:
Os transportes na Rússia são, regra geral, baratos. Cada viagem de autocarro / minibus em Irkutsk custa 15₽ (independentemente do destino ou duração da viagem).
Transportes privados como Uber ou Gett não operam em Irkutsk.

COMUNICAÇÕES:
Há wifi gratuito e de velocidades rápidas em praticamente todos os lugares públicos, contudo, as redes são protegidas e é necessário fazer um “registo” simples, enviando um SMS com a palavra OK. Apenas um registo é necessário, ou seja, uma vez que nos registemos na rede wifi do metro, sempre que entrarmos no metro e nos ligarmos à rede, não é necessário um segundo registo (com o mesmo aparelho e o mesmo número).
Para estadias mais longas, é conveniente ter um número Russo. Eu comprei um cartão SIM da rede Tele2 logo à chegada do aeroporto de Moscovo, por 900₽, com um pacote de dados válido por um mês de 2Gbs e 200 minutos / SMS’s para a Rússia. Com este número também me foi mais fácil registar nas redes wifi públicas. Atenção que para números registados em Moscovo, o pacote de dados funciona em toda a Rússia, mas as chamadas aqui já contam como roaming.

RESERVAS:
Viajar no Transiberiano não é tão caro como se pensa. A maioria das pessoas prefere ter tudo bem reservado e planeado antes, mas a forma mais económica de se fazer é mesmo ir reservando viagem a viagem. No meu caso, quis fazer a rota transmongoliana: Moscovo – Novosibirsk – Irkutsk – UlaanBaatar – Beijing. Se reservasse por sites convencionais, como por exemplo, no Way to Russia, o valor rondava os 700€ / 800€, a viajar em kupe e / ou 3ª classe. Mas fazendo as reservas directamente nas estações, ou através do site oficial dos combóios da Rússia – www.rzd.ru – poupei mais de 30% do valor, e a viagem toda ficou-me por menos de 500€.

CLASSES DOS COMBÓIOS:
A maioria dos combóios têm três classes: 1ª, 2ª (kupe) e 3ª (platskartny). As diferenças do valores quase que duplicam com a subida de classe. Eu viajei em kupe e em platskartny. Num post separado vou falar mais em pormenor sobre todas as condições, vantagens e curiosidades das classes, por isso fiquem atentos.